Adensamento de lodo com uso reduzido de polímeros e manutenção mínima

O manejo do lodo é considerado o ‘Calcanhar de Aquiles’ - a grande preocupação – de qualquer planta de tratamento de efluentes municipais ou industriais; devido não apenas ao custo operacional, potencial de presença odores ou insetos e baixa segurança, mas principalmente pela qualidade do lodo desidratado final.

 

Os maiores custos da desidratação são oriundos do transporte/destinação de lodo com alto teor de umidade, pelo consumo energético, de água, polímero e manutenção. Sem mencionar o custo de investimento inicial em máquinas reservas.

 
Graças à dedicação ostensiva em pesquisa e desenvolvimento, e à melhoria contínua desde 2002, a Fournier, representada no Brasil pela aQuamec, fabrica uma das mais avançadas tecnologias para o processo de desidratação mecânica de lodo, a Prensa Rotativa Optimum-CV.

 

Simples e confiável, a Prensa Rotativa opera de modo contínuo com limpeza automática; e permite intervenção por controle remoto, se necessário.

 

Além de ser um equipamento totalmente fechado, apresenta extrema segurança, adequação plena às normas, e acima de tudo, alto desempenho. A torta gerada no processo pode atingir até 50% de matéria seca, dependendo da aplicação; contudo normalmente é superior às outras tecnologias disponíveis no mercado. 

 

Entre inúmeras vantagens, estão menor área de ocupação, o uso reduzido de polímeros, baixo consumo de água e energia e mínima manutenção; o que dispensa a necessidade de equipamento reserva, e efetivamente, de ‘dinheiro parado na instalação’. Poucas peças devem ser substituídas após várias horas de operação (mesmo na condição 24h x7d), como lâminas e defletor; graças à baixa velocidade de rotação (0,2-2 rpm).

 

O princípio de funcionamento da Prensa Rotativa baseia-se na entrada do lodo bruto em câmaras de baixa pressão, nas quais, sob movimento continuo de rotação, estão dois elementos filtrantes giratórios e paralelos de aço inoxidável cromados. À medida que passa pelas telas, o lodo floculado é continuamente desaguado enquanto percorre o canal, pressionado pelo acúmulo de sólidos no próprio equipamento e pela saída restrita; resultando na extrusão da torta desidratada com alto teor de matéria seca.

 

 

PRINCIPAIS VANTAGENS

  • Equipamento totalmente fechado, reduz a concentração de contaminantes veiculados pelo ar e odores

  • Poucas peças mecânicas

  • Velocidade de rotação lenta (0,2-2 RPM)

  • Ciclo auto limpante automatizado

  • Baixa potência instalada e consumo de energia reduzido: 10 kWh/ton seco

  • Cargas estáticas e dinâmicas muito baixas na base de apoio da máquina. Nenhuma obra civil especial é necessária

  • Permite expansão da máquina de 1 a 8 canais
     

Parceira dos principais fabricantes internacionais, a aQuamec oferece um portfólio completo composto pelas mais avançadas tecnologias aplicáveis a todas etapas do tratamento de água, efluentes municipais e industriais, e reúso, incluindo modernos equipamentos e sistemas para os processos de adensamento e desidratação.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Veja também:
Please reload

CONTATO

AQUAMEC | EQUIPAMENTOS E SISTEMAS PARA SANEAMENTO E TRATAMENTO DE ÁGUAS E EFLUENTES

contato@aquamecbrasil.com.br

Escritório: Av. Jabaquara, 3060 • 3º andar • 04046-500 • São Paulo • SP • Tel: +55 11 3031-3327

Fábrica: Av. Tiradentes, 2620 • 13309-640 • Itu • SP • Tel: +55 11 4025-6820

© 2017 aQuamec - Todos os direitos reservados

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • LinkedIn - White Circle
  • Instagram - White Circle
Icone WhatsApp